Aguarde estamos carregando o maior site especializado em Vasco
  1. FutVasco

Demissão em massa na Vasco SAF: CEO e CFO deixam os cargos

Por Redação FutVasco em 11/06/2024 13:50

Interferência e falta de governança motivam demissões na Vasco SAF

O Vasco SAF enfrenta uma reformulação após as demissões do CEO Lúcio Barbosa e da CFO Kátia dos Santos. Fontes ligadas à empresa citam interferência excessiva do CRVG, que detém o controle das ações, e comprometimento da governança como fatores determinantes para a decisão.

Nos últimos dias, a interferência de pessoas ligadas à direção do presidente Pedrinho no dia a dia da empresa gerou insatisfação interna. O vazamento de informações confidenciais também causou desconforto entre os funcionários.

Declarações de Pedrinho indicavam mudanças na estrutura

As declarações do presidente Pedrinho sobre mudanças na estrutura do futebol já sinalizavam uma perda de poder do CEO Lúcio Barbosa. Antes da decisão judicial que transferiu o controle da SAF para o clube associativo, os funcionários do futebol se reportavam ao CEO.

No entanto, no vídeo em que anunciou as mudanças, Pedrinho afirmou que seria o chefe do diretor-executivo Pedro Martins e do diretor-técnico Felipe, indicando uma reestruturação da hierarquia.

Relação conturbada entre Pedrinho e Lúcio Barbosa

A relação entre Pedrinho e Lúcio Barbosa não era boa desde antes da decisão judicial que tirou o controle da SAF das mãos da 777 Partners. Pessoas próximas ao presidente reclamavam da falta de transparência do CEO em seus relatórios ao CRVG.

Pedrinho chegou a solicitar uma reunião exclusiva com representantes da empresa americana para expressar suas insatisfações com o executivo brasileiro.

Conclusão

As demissões do CEO e da CFO na Vasco SAF são mais um capítulo na conturbada história recente do clube. A interferência indevida e a falta de governança apontadas como motivos para as saídas indicam a necessidade de uma reformulação profunda para garantir o futuro da SAF.

AVALIE ESTA NOTÍCIA

Comentários: