Aguarde estamos carregando o maior site especializado em Vasco
  1. FutVasco

Atuações do Palmeiras contra o Vasco: Análise Crítica

Por Redação FutVasco em 14/06/2024 01:01

Estêvão: O Destaque da Noite

O jovem atacante Estêvão foi o grande destaque da partida. Com dribles, velocidade e finalizações perigosas, ele infernizou a zaga vascaína. Foi dele a assistência para o gol de Piquerez e o passe que deixou Rony livre para ampliar o placar.

Piquerez: Segurança Defensiva e Gol Decisivo

O lateral esquerdo Piquerez foi outro destaque. Seguro defensivamente, ele evitou importantes chegadas do Vasco. No ataque, aproveitou um cruzamento preciso de Estêvão para abrir o placar para o Palmeiras.

Raphael Veiga: Criatividade e Perigo

Raphael Veiga foi o meia que a torcida esperava. Participativo, ele deu passes decisivos e finalizou perigosamente ao gol. Foram pelo menos três chutes a gol, demonstrando sua criatividade e potencial ofensivo.

Aníbal Moreno: Intensidade e Defesa

O volante Aníbal Moreno se destacou pela intensidade e capacidade defensiva. Chegou bastante na entrada da área, levando perigo com finalizações de longe. No segundo tempo, focou mais na contenção dos atacantes vascaínos, desempenhando um papel importante na vitória.

Zé Rafael: Falhas e Recuperação

O volante Zé Rafael cometeu algumas falhas incomuns, mas cresceu no segundo tempo. Com o time precisando se defender mais, ele teve papel importante na contenção dos atacantes do Vasco. Além disso, marcou um belo gol, que foi anulado.

Rony: Participação e Definição

O atacante Rony participou bastante do jogo, fazendo pivôs que abriram espaços na zaga do Vasco . No segundo tempo, apareceu na pequena área para ampliar o placar para o Palmeiras, demonstrando oportunismo e faro de gol.

Marcos Rocha: Segurança e Passes

O lateral direito Marcos Rocha atuou como zagueiro, fechando o lado direito da linha de três. Foi bastante seguro e ainda conseguiu algumas subidas ao ataque. Em uma delas, deu um passe açucarado para Zé Rafael fazer o terceiro do Palmeiras, que foi anulado por falta.

Murilo: Experiência e Controle Defensivo

O zagueiro Murilo comandou o sistema defensivo palmeirense com sua experiência. Teve uma boa atuação pelo alto e no mano a mano, garantindo consistência e segurança à defesa do Palmeiras.

Naves: Nervoso Inicialmente, Mas Seguro Depois

O zagueiro Naves começou o duelo nervoso, cometendo algumas faltas. No entanto, foi se soltando com o decorrer do confronto e se tornou seguro em duelos com os atacantes do Vasco .

Weverton: Defesas Importantes e Reposição de Bola

O goleiro Weverton fez uma boa defesa no primeiro tempo e foi seguro nas saídas pelo alto. Além disso, teve papel importante na reposição de bola da jogada que abriu o placar para o Palmeiras, demonstrando agilidade e precisão.

Lázaro: Perigo e Construção de Jogadas

O atacante Lázaro levou perigo ao gol do Vasco com finalizações e teve papel importante na construção das jogadas, principalmente no primeiro tempo. Não repetiu a mesma intensidade no segundo tempo e foi substituído.

Caio Paulista: Oportunidade Perdida

O atacante Caio Paulista entrou no segundo tempo, mas mais uma vez não conseguiu fazer uma partida de encher os olhos. Errou na defesa em um lance que poderia originar gol do Vasco e no ataque pouco fez.

Outros Jogadores

* Fabinho: Entrou no fim do jogo, sem nota. * Gabriel Menino: Entrou no fim do jogo, sem nota. * Flaco López: Entrou no fim do jogo, sem nota. * Mayke: Entrou no segundo tempo, teve poucas oportunidades de ataque.

Abel Ferreira: Intensidade e Volume de Jogo

O técnico Abel Ferreira manteve o padrão de escalação anterior à pausa da data Fifa. No entanto, a postura do time foi diferente. O Palmeiras teve muito mais intensidade do que nos últimos jogos e conseguiu um volume bem grande. O placar poderia ter sido mais elástico, demonstrando o potencial ofensivo da equipe sob o comando do treinador.

AVALIE ESTA NOTÍCIA

Comentários:
Ranking Membros em destaque
Rank Nome pontos